É NOTÍCIA: Presidente da FAF deixa aviso que está preparado para o que vier

Em entrevista ao Canal Sul-africano SuperSport, Artur de Almeida e Silva abordou várias questões ligadas à Federação Angolana de Futebol (FAF), e admitiu que a sua...


Em entrevista ao Canal Sul-africano SuperSport, Artur de Almeida e Silva abordou várias questões ligadas à Federação Angolana de Futebol (FAF), e admitiu que a sua direcção ainda não liquidou os prémios referentes aos quartos-de-final da 34ª edição do Campeonato Africano das Nações, organizado e vencido pela Costa do Marfim.

A notícia, reproduzida também pelo site ‘Golo Válido’, avança que o Presidente da FAF assegurou que as dívidas são com os atletas e equipa técnica, que serão liquidadas dentro do prazo estabelecido.

«A dívida que existe é relativa aos prémios até chegarmos aos quartos-de-final, mas esses prémios serão pagos no devido tempo. As diárias foram pagas», disse.

Artur de Almeida desmentiu informações postas a circular pela imprensa de que Pedro Gonçalves estaria com ordenados em atraso.

«Disseram que o treinador estava há seis meses sem salário, tudo mentira, tudo falácias para criar um mau ambiente entre nós», referiu.

Por outro lado, o também presidente da COSAFA fez saber que todas as informações que visam desestabilizar a sua direcção e a sua pessoa não terão abertura.

«Não vão conseguir, porque somos pessoas muito conscientes, lutamos pelo lado positivo, por Angola, pelo nosso povo, pela melhoria do nosso ambiente social. Isso é o que nos orgulha e ninguém vai nos desviar desse caminho, principalmente se tentarem atingir Artur Almeida.

Não vão conseguir, porque estou muito preparado para enfrentar as adversidades», atirou.

Recorde-se que Artur de Almeida e Silva está em final de mandato na FAF, mas poderá concorrer a um terceiro para o ciclo olímpico 2024-2028.

Marcos Olgário

Marcos Olgário

Deixe o seu comentário

Classificação Girabola 2023/24

Data provided by Scoreaxis

Últimas

Siga o nosso Facebok

CAN 2023