É NOTÍCIA: CAF factura 66 milhões USD com a realização da 34ª edição do CAN 2023

​O Secretário-Geral da Confederação Africana de Futebol (CAF), Veron Mosengo-Omba, disse à imprensa que com a realização da 34ª edição do Campeonato Africano das Nações (CAN),...


​O Secretário-Geral da Confederação Africana de Futebol (CAF), Veron Mosengo-Omba, disse à imprensa que com a realização da 34ª edição do Campeonato Africano das Nações (CAN), que decorreu de 11 de Janeiro a 13 de Fevereiro na Costa do Marfim, rendeu aos cofres do órgão reitor do futebol africano 66 milhões de dólares norte-americanos.

A quantia monetária está relacionada com merchandising, venda de direitos televisivos, bem como outros serviços mediados pela Confederação Africana de Futebol, presidida pelo sul-africano Patrick Motsepe.

«A Taça das Nações Africanas de 2023, na Costa do Marfim, obteve lucros no valor de 66 milhões de dólares», disse o secretário da CAF.

O responsável revelou ainda que parte do valor será investido no futebol feminino, sendo um desafio da direcção da CAF para os próximos anos.

«Queremos dizer que 20 milhões serão alocados para investir no desenvolvimento do futebol feminino no continente africano», informou.

O CAN realizado na Côte D’Ivoire foi até aqui o mais visto de sempre. A Confederação Africana de Futebol estima que a maior montra do futebol africano a nível de selecções ‘AA’ teve 2 mil milhões de visualizações.

A Confederação Africana de Futebol já está a preparar ao pormenor a 35ª edição do Campeonato Africano de Futebol, a ser realizada no Reino de Marrocos, em 2025, cujo apuramento será já neste ano.

Marcos Olgário

Marcos Olgário

Deixe o seu comentário

Classificação Girabola 2023/24

Data provided by Scoreaxis

Últimas

Siga o nosso Facebok

CAN 2023