É NOTÍCIA: Angola na linha da frente para organizar 31ª edição do Afrobasket 2025

A Comissão Técnica da Fiba-Afrique vai confirmar, na primeira quinzena de Março deste ano, a escolha de Angola para albergar a 31ª edição do Campeonato Africano...


A Comissão Técnica da Fiba-Afrique vai confirmar, na primeira quinzena de Março deste ano, a escolha de Angola para albergar a 31ª edição do Campeonato Africano sénior masculino de basquetebol, vulgo Afrobasket, em 2025, segundo fez sbaer apurou o presidente da Federação Angolana (FAB), José Moniz da Silva, em entrevista ao Jornal de Angola.

Angola bateu na concorrência Marrocos e Egipto, países que tencionavam igualmente albergar a competição.

O líder máximo da FAB não escondeu a satisfação, por mais uma vez, o país acolher o magno evento.

“Confirmo de facto que a fase final do Afrobasket’2025 será realizada em Angola, uma vez que a Fiba-Afrique validou a candidatura do nosso país. Como sabe, para além de Angola, Marrocos e Egipto estavam igualmente na corrida, mas felizmente a escolha recaiu para Angola, que pela quarta vez vai organizar uma fase final do Campeonato Africano das Nações sénior masculino da bola ao cesto”, disse.

José Moniz Silva fez saber, por outro lado, que quando apresentaram a candidatura à Fiba-Afrique, sabia que o organismo que tutela a modalidade no continente africano iria validar a proposta de Angola, dado o nível de organização que o país tem demonstrado quando assume eventos do género.

“Ao apresentarmos a nossa candidatura, estávamos confiantes que a escolha recairia para Angola, em função dos níveis de organização que temos demonstrado, quando o país é chamado a organizar provas do género, a além das infra-estruturas, quer hoteleiras quer desportivas”, reconheceu.

O líder da Federação anunciou, para breve, a realização de um encontro com o Ministro da Juventude e Desportos, Rui Falcão, com vista a abordar o dossier Afrobasket’2025.

“A direcção da Federação Angolana de Basquetebol vai reunir-se com o Ministro da Juventude e Desportos, nos próximos dias, para fornecermos todos os detalhes do Afrobasket’2025”, revelou.

Com a realização do Afrobasket’2025, a Direcção da FAB pretende resgatar o troféu continental, que foge há 11 anos. Angola acolheu as edições de 1989, 1999 e 2007. Das vezes que organizou, venceu o título continental.

Os hendecacampeões africanos conquistaram o último título africano em 2013, na prova disputada em Abidjan, capital da Côte d’Ivoire, sob a batuta do técnico angolano Paulo Macedo. Tunísia, por duas ocasiões, e Nigéria, uma vez, dominaram os últimos 11 anos.

Lubango e Benguela entram na festa

À semelhança do que aconteceu em 2007, as províncias da Huíla e de Benguela podem acolher a fase preliminar da 31ª edição do Campeonato Africano das Nações, a ser organizado em 2025, por Angola.

A revelação foi feita pelo presidente de direcção da FAB, José Moniz da Silva: “Temos esta intenção de levar a prova para as províncias da Huíla e de Benguela. Precisamos amadurecer esta ideia e, no momento exacto, vamos anunciar”.

A última edição que Angola organizou foi em 2007, e decorreu nas cidades de Luanda, Cabinda, Lubango e Benguela, tendo na sequência sido construídos pavilhões multiuso em todas estas cidades, recintos que hoje podem carecer apenas de breves obras de reabilitação para nova empreitada.

Todo direito: Jornal de Angola

Marcos Olgário

Marcos Olgário

Deixe o seu comentário

Classificação Girabola 2023/24

Data provided by Scoreaxis

Últimas

Siga o nosso Facebok

CAN 2023