SuperSport, da DStv, celebra 30 anos de brilhantismo

com o “Premier League African XI” Para comemorar os trinta (30) anos da Premier League, o SuperSport realiza a campanha Premier League 30 Africa XIpara celebrar os melhores jogadores africanos que actuaram na primeira divisão da Inglaterra. Na quarta-feira,...

com o “Premier League African XI”

Para comemorar os trinta (30) anos da Premier League, o SuperSport realiza a campanha Premier League 30 Africa XIpara celebrar os melhores jogadores africanos que actuaram na primeira divisão da Inglaterra. Na quarta-feira, 29 de junho, o embaixador da campanha, o ex-internacional sul africano e lenda do Leeds United, Lucas Radebe, conversou com LwaziZiqubu, do SuperSport, para discutir o seu envolvimento na iniciativa, que foi transmitida pelo canal.

Sobre o seu envolvimento na campanha, Radebe descreveu como uma “alegria e honra” fazer parte, os adeptos tiveram a oportunidade de votar em onze (11) de seus jogadores africanos favoritos de um grupo de 30.

Numa conversa de uma hora, o ex-capitão do Leeds falou com carinho de seu tempo em Elland Road e da importância das contribuições do primeiro grupo de jogadores africanos a jogar na melhor liga do mundo.

Nós [jogadores africanos] viemos com algo diferente na forma de jogar, principalmente na estrutura corporal, em relação ao que eles estavam acostumados. Isso elevou a Premier League”, disse ele. Ele foi rápido em reconhecer as contribuições daqueles que vieram antes dele, como Albert Johanneson, que também jogou pelo Leeds United, de Yorkshire.

O chefe, como é mais conhecido, reconheceu a pressão de representar não apenas o país, mas também o continente. Essa pressão foi algo que ele e seus contemporâneos Tony Yeboah e Jay Jay Okocha enfrentaram. Ele, no entanto, afirmou que a vontade de vencer no topo os ajudou a superar essa pressão e qualquer outro desafio.

Como africanos, sempre olhamos para trás, de onde viemos. O sobrenome nas nossas costas significava muito mais do que o jogo em si.

Durante a sua carreira de jogador e mesmo depois de aposentado, ele e os companheiros africanos desenvolveram um senso de comunidade. O mais importante para eles foi o legado que criaram para contribuir com o futebol nos seus respectivospaíses de origem.

Eles podem ter se tornado amigos, mas ele não teve vergonha de admitir a dificuldade de enfrentar outros africanos como os nigerianos Nwankwo Kanu e Yakubu Aiyegbeni. Da geração posterior, ele gostaria de ter enfrentado o trio de Salah, Mane e Drogba, pois eles teriam, em suas palavras, melhorado o seu jogo.

A conversa antecedeu foi uma “provocação” para o grande evento que que avizinha, onde será revelado o “EPL Africa XI”, votado pelos fãs, numa noite chamativa condizente com os Reis da EPL da África.

Com o encerramento desta campanha – e a contagem regressiva para a Premier League 2023-24 já iniciada, os espectadores daSuperSport, na DStv, poderão desfrutar de um futebol total, repleto de entretenimento e grandiosos momentos.

A temporada da Premier League 2023-24 começa a 12 de Agosto e terá cobertura integral, em directo e HD, nos canais SuperSport, em exclusivo na DStv.

Para mais informações sobre a DStv, visite: www.dstvafrica.com/pt

Para votar no seu XI EPL Africano, visite: https://supersport.com/africaXI

FIM

Marcos Olgário

Marcos Olgário

Deixe o seu comentário

Classificação Girabola 2023/24

Data provided by Scoreaxis

Últimas

Siga o nosso Facebok

CAN 2023