É NOTÍCIA: FAF esclarece casos de corrupção no futebol nas próximas horas

A Federação Angolana de Futebol (FAF) pode pronunciar-se hoje, sexta-feira, 23, sobre os alegados casos de corrupção no futebol angolano, com maior incidência no Girabola e...

A Federação Angolana de Futebol (FAF) pode pronunciar-se hoje, sexta-feira, 23, sobre os alegados casos de corrupção no futebol angolano, com maior incidência no Girabola e Taça de Angola.

José Neto, Vice-presidente da FAF, disse à ANGOP que o processo envolvendo o então técnico da Académica do Lobito, Agostinho Tramagal, está em fase conclusiva.

O dirigente disse ainda que o órgão reitor do futebol angolano divulgará uma nota, caso se prove ou não as alegações, sendo que a FAF está a analisar o caso com o cuidado que se impõe dada à sua sensibilidade, e que o conselho de disciplina está a reunir os elementos para finalmente apurar se o que se disse não passou de um desabafo.

José Carlos indicou que, em caso de comprovação das alegações de corrupção, as sanções variam desde a desqualificação ou erradicação.

Sobre o treinador Tramagal, pesa a circulação de um áudio que revela factos da vitória da Académica do Lobito sobre o 1. ° de Agosto, por 1-0.

No som, ouve-se o técnico a dizer que recebeu três milhões de Kwanzas do Petro de Luanda para vencer o jogo contra o D´Agosto, numa altura em que a vitória significaria a subida para a primeira posição da classificação.

Agostinho Tramagal relata que terá ficado com um milhão e dividido dois milhões para os jogadores em razão de 100 mil kwanzas cada.

Refere ter negado uma oferta do 1.º de Agosto de sete milhões de Kwanzas para se deixar perder e que tudo fez para permitir que o Kabuscorp do Palanca vencesse o jogo da meia-final da Taça de Angola, o que não veio a acontecer.

Marcos Olgário

Marcos Olgário

Deixe o seu comentário

Classificação Girabola 2023/24

Data provided by Scoreaxis

Últimas

Siga o nosso Facebok

CAN 2023