É NOTÍCIA: Beto Bianchi apresenta queixa à FIFA contra clube ugandês

O Vipers SC do Uganda demitiu, há 09 de março, o técnico Espanõ-brasileiro Beto Bianchi, após ter feito apenas 58 dias no comando técnico do clube...


O Vipers SC do Uganda demitiu, há 09 de março, o técnico Espanõ-brasileiro Beto Bianchi, após ter feito apenas 58 dias no comando técnico do clube ugandês. Todavia, Beto Bianchi reagiu em exclusivo ao Bola Em Campo sobre a sua saída prematura do Vipers Sport Clube. O técnico disse que tomou conhecimento por intermédio de uma carta que não mais era treinador do Vipers.

«Sim, tomei conhecimento da minha despedida por meio de uma carta. É complicado quando uma direcção acha que deve ganhar colossos como Raja Casablanca do Marrocos, Simba SC da Tanzânia e Horoya da Guiné Conacri. A equipa até fez bons jogos em casa contra estas equipas. A equipa jogava bem e sabíamos que a qualquer momento as vitórias iriam aparecer com muito trabalho. Mas é estranho quando o dono da equipa quer resultados imediatos numa competição tão difícil que é a Liga dos Campeões Africanos», disse.

Beto Bianchi esclareceu que ainda estava dentro do contrato, já que havia assinado por duas épocas com o campeão ugandês.

«O meu contrato é de duas temporadas. Nem se quer cheguei a fazer jogos da Liga local, apenas fizemos duas partidas da taça do Uganda em que até vencemos», esclareceu.

Para a salvaguarda dos seus direitos, o ex-técnico do Petro de Luanda apresentou queixa à FIFA para que se cumpra o acordado durante a celebração do contrato.

«O caso já está na FIFA, espero que eles cumpram o que ficou acordado. É muito difícil ter que treinar uma equipa que apenas depende de uma única palavra. Falo isso porque o dono do clube e o seu filho é que ditam tudo no Vipers Sport Club do Uganda», referiu.

Sobre o seu futuro, Beto Bianchi deixou tudo em aberto, após regressar a Espanha onde reside a família.

«Estou em Espanha, na companhia da minha família, agora é tempo de repensar e aguardar por nova oportunidade, a vida segue andando. Vamos ver o que o futuro nos reserva», disse.

Beto Bianchi não somou qualquer vitória no grupo C, obtendo 4 derrotas e 1 empate apenas frente ao Horoya da Guiné Conacri, deitando por terra todas as chances do Vipers SC apurar-se para a outra fase, num grupo liderado pelo Raja Casablanca do Marrocos com 12 pontos somados.

Beto Bianchi estreiou-se no futebol africano ao serviço do Petro de Luanda, tendo acumulado o cargo como técnico dos Palancas Negras, mas em 2019 deixou o Petro de Luanda.

Marcos Olgário

Marcos Olgário

Deixe o seu comentário

Classificação Girabola 2023/24

Data provided by Scoreaxis

Últimas

Siga o nosso Facebok

CAN 2023