É NOTÍCIA: Petro de Luanda distante da 1.ª edição da Superliga Africana 2023

A imprensa magrebina avança que a primeira edição da Superliga Africana poderá contar apenas com 8 equipas, sendo: Al-Ahly do Egito, Esperance Tunis, da Tunísia, Wydad...


A imprensa magrebina avança que a primeira edição da Superliga Africana poderá contar apenas com 8 equipas, sendo: Al-Ahly do Egito, Esperance Tunis, da Tunísia, Wydad Athletic e Raja Casablanca do Marrocos, Simbas SC da Tanzânia, Mamelodi Sundowns, da África do Sul e o Heart of Aok do Ghana, segundo o jornalista egípcio próximo aos meandros da Confederação Africana de Futebol (CAF), Mohamed Saeed.

Entretanto, o nome do campeão angolano Petro Atlético de Luanda não foi mencionado na notícia avançada por este jornalista, aventando a hipótese da equipa angolana estar de fora da primeira edição. Porém, a Confederação Africana de Futebol (CAF) ainda não divulgou de forma oficial os clubes que irão participar da prova em Agosto deste ano.

Importa referir que uma delegação da FIFA e da CAF já visitou, na última semana, as direcções do Al-Ahly do Egipto bem como do Wydad Athletic do Marrocos para coordenar o lançamento da Superliga Africana na próxima temporada.

Fala que ainda neste mês, o Esperance de Tunis, da Tunísia, e Raja Casablanca, ambas do Marrocos, serão visitadas nos próximos dias.

Marcos Olgário

Marcos Olgário

Deixe o seu comentário

Classificação Girabola 2023/24

Data provided by Scoreaxis

Últimas

Siga o nosso Facebok

CAN 2023