É NOTÍCIA: Wilson Eduardo relembra curta passagem pelos Palancas Negras

Em entrevista ao canal português, Desporto ao Minuto, o jogador luso-angolano que actuou pelo Sporting de Braga, Wilson Eduardo, falou da sua participação ao CAN e...


Em entrevista ao canal português, Desporto ao Minuto, o jogador luso-angolano que actuou pelo Sporting de Braga, Wilson Eduardo, falou da sua participação ao CAN e da vontade que sempre teve em ajudar a selecção angolana.

Em 2019, ainda no Sporting de Braga, Wilson estreou-se no CAN por Angola, tendo admitido que a sua chamada à Angola deveu-se ao facto de ter uma grande visibilidade no clube português.

“Os meus pais nasceram lá e lembro-me que me chateavam, entre aspas, para que pudesse representar a seleção de Angola. O treinador era o Lito Vidigal, que falou bastante comigo para essa possibilidade. Só que eu estava nos sub-21 [de Portugal] e tinha a esperança de chegar à seleção principal.

Não aconteceu, eles continuaram a falar comigo e acabei por ceder”, avançou o jogador.

Wilson, admitiu que não era de todo da sua vontade fazer, parte do CAN por Angola, sob suspeita de que poderia ficar a impressão que só o estava a fazer se Angola se apurasse para o CAN.

“Não cairia tão bem, não nas pessoas da Federação, mas mais no povo angolano. Tudo ia ser diferente se as coisas não corresse bem, por ter ido apenas para uma grande competição. Em conversas com o meu pai, decidi que era a altura certa. Fiz ainda um jogo [antes da CAN]. Era para ter feito dois ou três, mas ainda não tinha todo o processo de documentação tratado. Acabei por fazer o último jogo [de qualificação], sabendo que, se não vencêssemos, não íamos à CAN. Estando bem no clube, queria sempre ajudar na seleção”

Marcos Olgário

Marcos Olgário

Deixe o seu comentário

Classificação Girabola 2023/24

Data provided by Scoreaxis

Últimas

Siga o nosso Facebok

CAN 2023