É NOTÍCIA: Roque Sapiri atira-se contra arbitragem no dérbi do Leste

Com golo do médio criativo Cabo-verdiano Sidney, o Bravos do Maquis venceu, ontem, quarta-feira, 06, no seu reduto, Estádio Mundunduleno, Moxico, o campeão nacional Sagrada Esperança,...


Com golo do médio criativo Cabo-verdiano Sidney, o Bravos do Maquis venceu, ontem, quarta-feira, 06, no seu reduto, Estádio Mundunduleno, Moxico, o campeão nacional Sagrada Esperança, no jogo que marcou o acerto de calendário da 23ª jornada do Girabola.

Num jogo em que os diamantíferos tinham como objectivo reduzir a vantagem pontual em relação ao primeiro classificado, Petro de Luanda, que empatou no mesmo dia, frente ao Progresso do Sambizanga.

Roque Sapiri, técnico da equipa diamantífera, atirou-se contra arbitragem e considerou que foi uma arbitragem estranha.

«Nunca falei sobre a arbitragem, mas foi incrível ver. Quem esteve no campo viu as insinuações que estavam a ser feitas fora do campo. Houve uma grande inclinação neste jogo. Já vimos isso no jogo contra a Académica do Lobito, foi o mesmo árbitro. Eu penso que o quarto árbitro acompanhou tudo o que se passou aqui neste campo», lamentou.

Quanto ao desempenho da sua equipa, Roque Sapiri diz que a sua equipa deu o melhor de si.

«Não tenho nada para descrever sobre o jogo. Estivemos bem, assim como o Bravos está de parabéns pelo golo que fez. Mas na segunda parte o árbitro foi muito condescendente e estragou o jogo», disse.

Com esta derrota, o Sagrada Esperança continua na segunda posição do campeonato com 50 pontos, menos 5 que o Petro de Luanda na primeira posição.

Já o Bravos do Maquis, do Moxico, soma agora 33 pontos na 5ª posição do Girabola 2021-22.

Marcos Olgário

Marcos Olgário

Deixe o seu comentário

Classificação Girabola 2023/24

Data provided by Scoreaxis

Últimas

Siga o nosso Facebok

CAN 2023