Últimas
É NOTÍCIA: Angola na linha da frente para organizar 31ª edição do Afrobasket 2025

É NOTÍCIA: Angola na linha da frente para organizar 31ª edição do Afrobasket 2025

É NOTÍCIA:  Romé Hebo lamenta ausência dos “Guerreiros” nos PAN-Africanos de Acra

É NOTÍCIA: Romé Hebo lamenta ausência dos “Guerreiros” nos PAN-Africanos de Acra

É NOTÍCIA: ANCAF quer GIRABOLA ser emitido em formato live streaming

É NOTÍCIA: ANCAF quer GIRABOLA ser emitido em formato live streaming

É NOTÍCIA: Elizabeth Dongua, melhor marcadora do ‘Nacional’, ruma para o andebol congolês

É NOTÍCIA: Elizabeth Dongua, melhor marcadora do ‘Nacional’, ruma para o andebol congolês

É NOTÍCIA

É NOTÍCIA: Hilal do Sudão pode estar a fazer jogo de bastidores para vencer Petro

É NOTÍCIA: Hilal do Sudão pode estar a fazer jogo de bastidores para vencer Petro

É NOTÍCIA: ‘GUERREIROS’ falham Pan-Africano no Ghana por não inscrição

É NOTÍCIA: ‘GUERREIROS’ falham Pan-Africano no Ghana por não inscrição

É NOTÍCIA: Clubes deixam de pagar árbitros na 2ª volta do Girabola 2023-24

É NOTÍCIA: Clubes deixam de pagar árbitros na 2ª volta do Girabola 2023-24

É NOTÍCIA: Fala-se que já há um acordo verbal entre o Petro de Luanda e jogador do clube militar

É NOTÍCIA: Fala-se que já há um acordo verbal entre o Petro de Luanda e jogador do clube militar

É NOTÍCIA: Herlander Coimbra alerta que «Não há lançadores na Selecção que vai à Tunísia»

É NOTÍCIA: Herlander Coimbra alerta que «Não há lançadores na Selecção que vai à Tunísia»

É NOTÍCIA: Federação de Tênis de Mesa pode ser banida das competições internacionais


O Presidente da Federação Angolana de Tênis de Mesa, Manuel Morais, disse à imprensa que o seu órgão recebeu um ultimato da Confederação Africana de Tênis de Mesa, bem como da Federação Internacional, que se as selecções nacionais não participarem nos próximos torneios internacionais e africanos poderão ser afastados dos ranking’s.

Manuel Morais reconheceu que Angola não participa em nenhuma competição africana e internacional desde 2018 e que a federação que dirige recebeu o ultimato.

«Fomos alertados em Fevereiro deste ano, a Federação africana e Internacional notificou-nos que vamos ser retirados do ranking mundial e africano por não termos participado durante os últimos três anos em competições oficiais, e isto constitui uma preocupação para nós», disse.

O Presidente da Federação de Tênis de Mesa garantiu que a sua direcção tudo está a fazer para que as selecções nacionais voltem às competições africanas e internacionais.

«Estamos agora neste momento a trabalhar à procura de patrocínios para voltarmos a competir nos próximos eventos africanos e internacionais. Sabemos que estamos desde 2018 sem competir», assegurou.

Leave a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Powered by Live Score & Live Score App